The point of no return.

LeoFinance
14 days ago
6 Min Read
1220 Words

This publication was also written in SPANISH and PORTUGUESE.

Informa Middle East

Small habits (especially those that break with our traditional routine), are responsible for bringing about considerable changes in our lives. Every day, the need to do the same things creates an atmosphere of inertia that does not let our way find alternative roads for us to understand everything that lies ahead. It is almost like being temporarily "blind" to the possibilities.

I live in a country with a style of traditional financial investments, and this is a normal option here, which despite being outdated and not yielding much profit to investors, is a way of knowing that the money will pay (even if a small value) and that it is safe in banks. Definitely, the choice that tends to be simpler and more obvious, but it certainly isn't the smartest either.

Since I started to be interested in the world of finance, I have been changing one or another habit in my day-to-day and I see how these small changes are having a positive effect. My point of view about money (in general) was very limited and I didn't have such a well-founded idea about the new and different alternatives that are available. My path has been greatly expanded.

Driven by the desire to get more knowledge and multiply everything I have already gained here, I literally decided to start studying some methods to go further and that includes something "atypical" for me, and that was certainly not the most popular alternative for me: analyzing graphs. Of course, my steps in the analysis are beginner's steps, but I keep advancing and improving.

I see this as a great and solid advance because dealing with the new and no longer feeling awkward when looking at some types of graphs, made me realize that for my mind to reach new levels of understanding about finance, we need to see the way beyond its triviality. But there is still a lot to learn.

My engagement only tends to grow even more, because I see it as a path of no return. I am really enjoying everything that I am learning and knowing that an expansion of this knowledge is bringing me good results, manages to motivate me in a way that I could not imagine. Sometimes I wonder why I didn't start earlier... But it is better to accept that everything happens at the right time.


El punto de no retorno.

Los pequeños hábitos (especialmente los que rompen con nuestra rutina tradicional), son los encargados de provocar cambios considerables en nuestras vidas. Cada día, la necesidad de hacer las mismas cosas crea un ambiente de inercia que no deja que nuestro camino encuentre caminos alternativos para que entendamos todo lo que nos espera. Es casi como estar temporalmente "ciego" a las posibilidades.

Vivo en un país con un estilo de inversión financiera tradicional, y esta es una opción normal aquí, que a pesar de estar desactualizada y no reportar mucho beneficio a los inversionistas, es una forma de saber que el dinero pagará (aunque sea un valor pequeño) y que es seguro en los bancos. Definitivamente, la elección que suele ser más simple y obvia, pero ciertamente tampoco es la más inteligente.

Desde que empecé a interesarme por el mundo de las finanzas, he ido cambiando uno u otro hábito en mi día a día y veo cómo estos pequeños cambios están teniendo un efecto positivo. Mi punto de vista sobre el dinero (en general) era muy limitado y no tenía una idea tan fundamentada sobre las nuevas y diferentes alternativas disponibles. Mi camino se ha ampliado enormemente.

Impulsado por el deseo de adquirir más conocimientos y multiplicar todo lo que ya he ganado aquí, literalmente decidí comenzar a estudiar algunos métodos para ir más allá y eso incluye algo "atípico" para mí, y esa ciertamente no era la alternativa más popular para mí: analizar gráficos. Por supuesto, mis pasos en el análisis son pasos de principiante, pero sigo avanzando y mejorando.

Veo esto como un gran y sólido avance porque lidiar con lo nuevo y dejar de sentirme incómodo al mirar algunos tipos de gráficos me hizo darme cuenta de que para que mi mente alcance nuevos niveles de comprensión sobre las finanzas, necesitamos ver el camino más allá de su trivialidad. Pero aún queda mucho por aprender.

Mi compromiso solo tiende a crecer aún más, porque lo veo como un camino sin retorno. Realmente estoy disfrutando todo lo que estoy aprendiendo y saber que una expansión de este conocimiento me está dando buenos resultados, logra motivarme de una manera que no podía imaginar. A veces me pregunto por qué no empecé antes... Pero es mejor aceptar que todo sucede en el momento adecuado.


O ponto sem retorno.

Pequenos hábitos (especialmente aqueles que quebram com a nossa rotina tradicional), são responsáveis por trazer mudanças consideráveis em nossas vidas. Todos os dias, a necessidade de fazer as mesmas coisas criar uma atmosfera de inércia que não deixa o nosso caminho encontrar estradas alternativas para que nós entendamos tudo o que tem pela frente. É quase como estar temporariamente "cego" diante das possibilidades.

Em moro em um país com um estilo de investimentos financeiros tradicionais, e isso é uma opção normal por aqui, que apesar de ser ultrapassada e não render muitos lucros para os investidores, é uma maneira de saber que o dinheiro vai render (mesmo que um valor pequeno) e que ele está seguro nos bancos. Definitivamente, a escolha que tende a ser mais simples e mais óbvia, mas com certeza também não é a mais inteligente.

Desde que eu comecei a me interessar pelo mundo das finanças, eu venho mudando um ou outro hábito no meu dia-a-dia e vejo o quanto essas pequenas mudanças estão surtindo um efeito positivo. O meu ponto de vista sobre o dinheiro (de maneira geral) era bem limitada e eu não tinha uma ideia tão bem fundamentada sobre as alternativas novas e diferentes que estão disponíveis. O meu caminho foi muito expandido.

Impulsionado pela vontade de conseguir mais conhecimento e multiplicar tudo o que eu já consegui ganhar por aqui, eu literalmente decidi começar a estudar alguns métodos para ir mais longe e isso inclui algo "atípico" para mim, e que certamente não era a alternativa mais popular para mim: analisar gráficos. É claro que os meus passos nas análises são passos de iniciante, mas eu continuo avançando e melhorando.

Eu vejo isso como um grande e sólido avanço porque lidar com o novo e não ter mais a sensação de estranheza ao olhar alguns tipos de gráficos, me fez perceber que para a minha mente atingir novos níveis de compreensão sobre finanças, é preciso enxergar o caminho além da sua trivialidade. Mas ainda há muito o que aprender.

O meu engajamento só tende a crescer ainda mais, porque eu vejo isso como um caminho sem volta. Eu estou gostando muito de tudo o que eu estou aprendendo e saber que uma expansão desse conhecimento está me trazendo bons resultados, consegue me motivar de uma maneira que eu não conseguia imaginar. Às vezes eu me pergunto as razões para eu não ter começado antes... Mas é melhor aceitar que tudo acontece no tempo certo.

Posted Using LeoFinance Beta